sexta-feira, 8 de março de 2013

Rose Madder




Romance do escritor americano Stephen King (O iluminado; Carrie, a estranha; Cemitério maldito), Rose Madder nos conta a história de uma mulher que durante anos se submete à violência de seu marido, até que um dia ela se cança e toma o rumo da estrada. Ela foge, mas sabe que seu carrasco a irá procurá-la, encontrá-la e talvez até matá-la. Mas ela não tem nada a perder e levando apenas o cartão de banco de seu marido, vai atrás de sua independência.

Em outra cidade, em outro mundo, a mulher, outrora submissa, vê-se cercada de maravilhas da vida que não tinha sequer noção que existia. Seus sonhos de outrora, abandonados em prol de um casamento infrutífero, injusto e fadado ao fracasso ou à morte, são repensados e retornam a vida de Rose na medida em que ela busca uma força interior com a ajuda de um antigo quadro onde a figura de uma mulher, que se parece com ela mesma, cheia de mistério, terror e fascínio, se transforma ao mesmo tempo que sua vida também segue um caminho completamente diferente.

Rose encontra outras mulheres em um abrigo que passaram pela mesma situação, e juntas, buscam a redenção em um mundo ainda muito machista e perigoso, onde essas mulheres outrora vítimas, se convertem em batalhadoras e independentes, sem contudo, perder sua sensibilidade.

Rose Madder é um livro diferente do Stephen King, o terror e o suspense ainda estão lá, mas o drama toma as rédeas nos chamando à pensar  e refletir sobre um universo muitas vezes injusto, onde a única alternativa para essas mulheres é lutar pela sobrevivência.

Um livro bacana...

Nenhum comentário: